A Facens é um Smart Campus, conceito inovador patenteado de campus inteligente. Um Centro Universitário nota máxima (5) do MEC, que tem como foco o desenvolvimento de profissionais cidadãos, com expertise em Engenharia, Arquitetura e Tecnologia. Seu nível de ensino é reconhecido pelo mercado de trabalho, o que resulta na alta empregabilidade de seus alunos, sendo uma das melhores Instituições de Ensino Superior no Brasil (de acordo com indicadores do MEC). 

Centro Universitário Facens
Mantenedora: Associação Cultural de Renovação Tecnológica Sorocabana (ACRTS)
Credenciado pela Portaria, nº 1138, de 01/11/2018, DOU nº 212, Seção 1, pág. 35, de 05/11/2018.

A Facens

Fundada em 1976, com 44 anos de existência, foi a primeira instituição de ensino superior na área de Engenharia fundada em Sorocaba/SP. Tem como sua mantenedora a Associação Cultural de Renovação Tecnológica Sorocabana (ACRTS) e é considerada uma entidade de Utilidade Pública Federal sem fins lucrativos, certificada como filantrópica pelo Ministério da Educação. Com isso, concede bolsas de estudos aos seus alunos que apresentam carência socioeconômica comprovada e investe todo o seu resultado em prol da Instituição, o que possibilita ser um centro educacional em constante evolução.

Atualmente, oferece cursos de graduação nas áreas da Engenharia (Agronômica, Alimentos, Civil, Computação, Elétrica, Mecânica, Mecatrônica, Produção e Química), Arquitetura e Urbanismo e Tecnologia (Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Banco de Dados: Ciência dos Dados, Jogos Digitais, e Gestão da Tecnologia da Informação), além de cursos de Pós-Graduação, MBAs e Especializações.

Em uma área de 100 mil m² de campus inspirador, mais de quatro mil alunos de graduação e pós têm acesso a uma infraestrutura tecnológica, salas de aula interativas, biblioteca moderna e atualizada e área de esportes. Referência em inovação, a Facens conta com mais de 50 laboratórios especializados e diversas parcerias com empresas renomadas nacional e internacionalmente, como Huawei, ABB, Emerson, Festo, Commscope, Instituto Ayrton Senna, Instituto Fraunhofer, NASA, entre outras. 

Tem como missão:
Desenvolver profissionais cidadãos preparados para a vida. 

E como visão:
Ser um ecossistema transformador de pessoas e da sociedade.

Como diferencial, possui centros de inovação que possibilitam aos seus alunos aplicarem na prática o que aprendem em sala de aula, no Smart Campus, trabalhando conceitos de cidades inteligentes em seus projetos, FACE (Centro de Empreendedorismo), LIGA (Laboratório de Desenvolvimento em Games e Apps), o 1º Fab Lab do interior do Brasil, LIS (Laboratório de Inovação Social), LINCE (Laboratório de Inovação em Competições Estudantis), Farm Lab (para desenvolvimentos da área de Engenharia Agronômica) e mais.  

O IP Facens é responsável pela área de relacionamento e parcerias com as empresas dentro da Instituição, trabalhando com a parte de PD&I.

A Facens busca constantemente trazer o melhor em educação para seus alunos, promovendo eventos, atividades extracurriculares, treinamentos e iniciativas para que seus alunos tenham as competências profissionais necessárias, a fim de se destacarem no mercado de trabalho. 

 

Valores

Gente antes de tudo
Buscamos atrair, desenvolver e reter as melhores pessoas, proporcionando um ambiente agradável. Respeitamos todos pelo que são e acreditamos que responsabilidades e reconhecimento devem ser alocados com base no desempenho e na adesão aos nossos valores. 

A satisfação do nosso cliente é o nosso sucesso
Guiamos nossas decisões e ações visando a satisfação de nossos clientes. 

O futuro é feito por nós
Somos incansáveis na busca do novo e sabemos que alcança-lo depende de nós como indivíduos e como coletivo. Por isso, valorizamos as soluções e ideias que estimulem o impacto positivo no contexto do mundo atual.

Trabalhamos em equipe
Trabalhamos de forma integrada e colaborativa. Acreditamos em conversas abertas, respeitosas e francas, tendo coragem de nos posicionar sempre que for necessário.

Excelência em tudo o que fazemos
Queremos constantemente melhorar a qualidade da experiência dos nossos colaboradores, clientes e sociedade. Planejamos, priorizamos, organizamos e medimos as nossas entregas.

 Somos focados em resultados
Somos orientados na busca por resultados crescentes e duradouros, buscando objetividade e velocidade em nossas decisões.

Pilares

  • Inovação
  • Empreendedorismo
  • Internacionalização
  • Sustentabilidade

Diferenciais

  • Infraestrutura de Ponta
  • Integração com o Mercado
  • Impacto Social
  • Living Labs: Experimentação na Prática
  • Pesquisa Aplicada
  • Experiência Acolhedora

Diretrizes

  • Flexibilidade
  • Vivência Digital
  • Ecossistema de Inovação
  • Experiências Baseadas em Desafios
  • Aprendizagem 360º
  • Pessoas Inspiradoras

Competências Desenvolvidas

Autoconhecimento e Inteligência Emocional

Reconhecer as emoções, pensamentos, valores e identificar as forças e limitações como oportunidades de crescimento.​

Criatividade e Sustentabilidade

Propor soluções inovadoras, sustentáveis e humanas para resolver e mitigar problemas socioambientais.​

Liderança, Empreendedorismo e Gestão

Identificar oportunidades e transformá-las em ações, influenciando e guiando pessoas para gerar impacto positivo no mundo.

Raciocínio Analítico

Fundamentar o processo de aprendizado contínuo e tomada de decisão através da análise, argumentação e interpretação.

Inteligência Social

Desenvolver relações saudáveis e produtivas através da percepção do outro nos mais variados contextos sociais.

Fluência Digital

Compreender as novas tecnologias e os seus impactos no comportamento da sociedade para otimizar problemas reais.

Linha do Tempo

1974

A Faculdade de Engenharia de Sorocaba – Facens – teve como embrião a Companhia Rede Telefônica Sorocabana ( CRTS ) responsável pelo sistema de telefonia de toda região sorocabana, em meados dos anos 70. A necessidade de profissionais capacitados para atuar no setor de telecomunicações fez com que a CRTS criasse, em 1974, o Centro Regional de Tecnologia Santa Escolástica (CRTSE ), mais conhecido como Colégio da Engenharia. Os cursos de Telecomunicações e Eletrônica foram os primeiros a ser ministrados pelo colégio técnico – em salas cedidas pelo Colégio Santa Escolástica.

1976

A Faculdade de Engenharia de Sorocaba – Facens – teve como embrião a Companhia Rede Telefônica Sorocabana ( CRTS ) responsável pelo sistema de telefonia de toda região sorocabana, em meados dos anos 70. A necessidade de profissionais capacitados para atuar no setor de telecomunicações fez com que a CRTS criasse, em 1974, o Centro Regional de Tecnologia Santa Escolástica (CRTSE ), mais conhecido como Colégio da Engenharia. Os cursos de Telecomunicações e Eletrônica foram os primeiros a ser ministrados pelo colégio técnico – em salas cedidas pelo Colégio Santa Escolástica.

1976

Autorização de funcionamentos dos cursos de Engenharia Elétrica e Civil – publicado no Decreto nº 78495 de 30 de setembro de 1976 (D.O.U. 01/10/1976).

1977

A Facens iniciou suas atividades em 1977, com os cursos de Engenharia Elétrica e de Engenharia Civil dentro da Faculdade Ciências e Letras, no centro de Sorocaba. Foi idealizada dentro de uma nova concepção de ensino no Brasil, que visava um sistema integrado dos cursos de Engenharia na sua formação geral e cultural e departamentalizava as especialidades da Engenharia.

1979

A construção do campus da Facens teve início um ano depois, no 1,5 km da Rodovia Senador José Ermírio de Moraes. Em 3 de junho de 1980, a Facens, nascida como Faculdade de Engenharia de Sorocaba, foi reconhecida pelo MEC. Nesta data, as construções já estavam bem adiantadas e foram finalizadas em 1984, quando ficaram prontos os prédios de Elétrica e Civil, básico e pesado, onde foram implantados os laboratórios, ginásio e diretório acadêmico.

1981

Formaram-se os primeiros engenheiros de Sorocaba pela Facens: 30 formandos de Engenharia Civil e 30 de Engenharia Elétrica.

1991

A Semana da Engenharia foi incluída no calendário acadêmico da Instituição.

1999

Início do Curso de Engenharia da Computação. Início de funcionamento: 25/02/1998 Autorização: Portaria MEC nº. 2.263, publicada no D. O. U em 22/12/1997 Reconhecimento: Portaria MEC nº. 213, publicada no D. O. U em 16/01/2004.

2001

Início do Curso de Engenharia Mecânica.
Início de funcionamento: 01/08/2001 Autorização: Portaria MEC nº. 2.175, publicado no D. O. U. em 28/12/2000 Reconhecimento: Portaria MEC nº. 876, publicada no D. O. U em 11/04/2006 O curso foi criado em parceria com empresas da região, a fim de formar profissionais atualizados e adaptados à tecnologia e ao ambiente do parque industrial da região.

2001

Início de funcionamento do IPEAS (Instituto de Pesquisas e Estudos Avançados Sorocabano) dentro do campus da Facens (hoje IP Facens).

2001

1ª Mostra de Eletrônica. Esse evento foi o pontapé inicial para a TecnoFacens.

2004

Início do Cursinho Pré-Vestibular Facens, que nasceu da necessidade identificada pela Faculdade de nivelar o grau de conhecimento entre os estudantes das redes pública e privada de ensino e, desta forma, contribuir para o ingresso no Ensino Superior destes jovens.

2010

Início do Curso de Engenharia Mecatrônica. Início de funcionamento: 08/02/2010 Autorização: Portaria MEC nº. 1.619, publicada no D. O. U em 16/12/2009.

2012

Início do Curso de Engenharia de Produção. Início de funcionamento: 06/02/2012 Autorização: Portaria MEC nº. 403, publicada no D. O. U em 22/09/2011.

2012

Início do Curso de Engenharia Química. Início de funcionamento: 06/02/2012 Autorização: Portaria MEC nº. 118, publicada no D. O. U em 13/06/2011

2014

Lançamento do Smart Campus Facens.

2015

Inauguração do Prédio C (Eng. Antonio Ermírio de Moraes).

2015

Início do Curso de Tecnologia em Jogos Digitais.

2015

Inauguração Fab Lab Facens, o 1º Fab Lab do interior do Brasil.

2015

Inauguração Sala AMT Facens.

2016

Início do Curso de Engenharia de Alimentos.

2016

Início do Curso de Engenharia Agronômica.

2016

Facens conquista o Prêmio Top Educacional pelo projeto do Smart Campus Facens.

2016

Curso de Engenharia Química da Facens é reconhecido com nota máxima pelo MEC (nota 5, no máximo de 5).

2016

Inauguração do DRI Facens (Departamento de Relações Internacionais).

2017

Inauguração do FACE (Facens Centro de Empreendedorismo) e do Crowd Facens Telefónica.

2017

Inauguração do LIS Facens (Laboratório de Inovação Social).

2017

Inauguração do Prédio L (Profa. Heloisa Wey Beldi).

2017

Lançamento do Curso de Arquitetura e Urbanismo. Autorizado pela Portaria SeRES nº 242, de 30 de março de 2017.

2018

Reinauguração do Ginásio Facens.

2018

Início da Associação Alumni Facens.

2018

Smart Campus Facens conquista prêmio internacional IDTechEx Europa 2018, na categoria “Melhor Desenvolvimento de Tecnologia IoT”.

2018

Facens conquista Prêmio Babson Collaborative 2018 como “Universidade do Ano”, por ter alcançado a maior pontuação no ranking de empreendedorismo da rede global de instituições de ensino superior, criada pela Babson College, que fomenta a educação empreendedora. A faculdade participou com os projetos do FACE (Facens Centro de Empreendedorismo) e superou outras 34 instituições de países como Canadá, Coréia do Sul, México, Japão e Finlândia, que fazem parte da rede Babson Collaborative.

2018

Facens conquista Nota Máxima de Avaliação Institucional do MEC (nota 5, do máximo de 5).

2018

Inauguração do Laboratório de Manufatura Avançada 4.0 em parceria com a Festo.

2018

Reinauguração Biblioteca e Sala de Estudos Facens, com abertura da Exposição “Olhar Sensível”.

2018

Inauguração do “Qualcomm IoT Reference Center” (Centro de Referência em Internet das Coisas) na Facens.

2018

Certificação da Facens como Centro Universitário.

2019

Lançamento dos cursos tecnológicos de Análise e Desenvolvimento de Sistemas, Gestão de TI e Banco de Dados.

2019

Curso de Engenharia Mecatrônica da Facens é reconhecido com nota máxima pelo MEC (nota 5, no máximo de 5).